Delegacia de Furtos prende suspeitos do assassinato de delegado em Feira de Santana


Dois homens suspeitos do assassinato do delegado Gesta Dermeval Costa Santos, 58 anos, foram presos nesta segunda-feira (23), por investigadores da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR), sob o comando do delegado André Ribeiro. O policial foi morto durante um assalto ocorrido na manhã de sábado (21), no Centro de Abastecimento de Feira de Santana.

Segundo informações, o delegado era lotado em Salvador e passeava com um primo e foi ao entreposto comercial para fazer compras, quando um homem armado anunciou o assalto. O policial reagiu e terminou baleado.

Ainda de acordo com as investigações, Gesta não estava armado e teria se assustado quando o bandido encostou a arma em suas costas. Atingido por um disparo, o delegado foi socorrido até o Hospital São Matheus, mas não resistiu.

Kaio  Henrique dos Santos França, 18 anos (blusa preta), morador do bairro Caraíbas, e Wilder Conceição de Jesus, 18, residente no bairro Rua Nova, foram apresentados pelo delegado André Ribeiro.

Em entrevista ao repórter Denivaldo Costa, Kaio confessou ter tentado assaltar e deflagrado um tiro contra o delegado. Ele contou que tinha como alvo outra pessoa, mas teria percebido a carteira porta cédulas do delegado e resolveu investir contra o policial.Ainda de acordo com ele, não tinha a intenção de atirar e a arma teria disparado quando tentou se desvencilhar na luta corporal. “Fui roubar o coroa, ví que estava com a carteira e voltei pra roubar. Eu falei perdeu, e ele falou perdeu não. Aí, eu falei tá de boa e fui recuar. Ele foi e me agarrou e pra soltar atirei sem querer”, contou o acusado.

Kaio contou que a arma pertence a um homem conhecido como ‘Léo’ e que correu após o disparo, sem levar nenhum pertence da vítima.De acordo com a polícia, Wilder também foi detido porque estava na companhia de Kaio. O delegado André Ribeiro informou que a partir das imagens obtidas no local, os investigadores conseguiram identificar um dos participantes, e com a prisão dele foram identificados outros dois comparsas.

“Através das câmeras de segurança conseguimos identificar o Wilder, vulgo ‘Nego Lindo’ e através dele identificamos os outros dois envolvidos no crime”, declarou.

A Delegacia de Furtos continua com as investigações para localizar o homem que teria cedido a arma utilizada no crime.

Blog Central de Polícia, com informações e fotos de Denivaldo Costa (matéria atualizada).

Comentários

0 Faça sem comentário...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>