Polícia identifica suspeitos de triplo homicídio no bairro do Tomba


Com a apresentação de três homens suspeitos de tráfico de drogas, flagrados pela Polícia Militar, com armas de fogo e pinos de cocaína no bairro Feira X, a Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) passou a investigar dois deles, suspeitos de participação em um triplo homicídio ocorrido no último sábado (250, no Parque Tamandarí, em Feira de Santana.

Policiais da 65ª Companhia Independente (CIPM) faziam diligências e conseguiram localizar os suspeitos e apreenderam dois revólveres de calibre 38, além de 11 munições do mesmo calibre, 70 pinos de material análogo à cocaína e um saco plástico com porções de maconha.Segundo o delegado Rodolfo Faro, o trio foi encaminhado para a Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE) e negou envolvimento no triplo homicídio, mas testemunhas apontaram a participação de dois deles no crime.

“Foi realizada a oitiva desses indivíduos, que negaram o envolvimento, mas a polícia civil diligenciou no sentido de trazer testemunhas que reconheceram e apontaram os mesmos como autores do crime”, declarou o delegado.

Briga entre facções

A polícia suspeita que o triplo homicídio pode ter sido ordenado de dentro do presídio e os adolescentes morreram de forma aleatória. “Crime aleatório para demonstrar força entre disputas de facções da cidade”, disse Faro.

Apesar de flagrados com armas e drogas e suspeitos de participação em assassinatos, os homens foram liberados. O delegado informou que foi instaurado processo regular e após as investigações o inquérito será remetido à justiça. Acrescentou que as armas apreendidas serão periciadas, para verificar se foram utilizadas no triplo homicídio.

O crime

Na tarde de sábado (25), a polícia registrou um triplo homicídio no Residencial Bela Vista, localizado no loteamento Parque Tamandari, bairro Tomba, em Feira de Santana.

De acordo com ocorrência, Thaylan dos Santos Oliveira, 17 anos, morreu no local, em decorrência dos disparos de arma de fogo, enquanto Jônatas Melo Silva, 17 anos, e Guilherme Silva dos Santos, 12, foram a óbito na emergência do Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA).

De acordo com informações de policiais militares da 65ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), os atiradores pularam o muro e efetuaram os disparos contra as vítimas. Moradores afirmaram que os autores fugiram a pé por um matagal.

Blog Central de Polícia, com informações de Sotero Filho e arquivo/imagem divulgação.

Comentários

0 Faça sem comentário...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>