Homem é assassinado a tiros no bairro Queimadinha


Um homem não identificado foi assassinado com tiros de pistola na tarde desta sexta-feira (10) na 2ª Travessa Leolindo Silva, bairro Queimadinha, em Feira de Santana.

Segundo informações, a vítima foi surpreendida por um grupo de criminosos e foi atingida por cerca de 30 tiros. Foram encontradas cápsulas de calibres 9mm e ponto 40.

O crime aconteceu nas proximidades das Taboas da lagoa e a polícia acredita que há ligação com o tráfico de drogas no bairro.

A delegada Thiara Ramos Duarte presidiu o levantamento cadavérico e encaminhou o corpo para o Departamento de Polícia Técnica (DPT), onde aguardará o reconhecimento.

Blog Central de Polícia, com informações de Sotero Filho e imagem reprodução.

Homem é baleado e morre dentro de carro na Avenida Maria Quitéria


Um homem de 25 anos morreu dentro de um veículo Gol, prata, no início da tarde desta sexta-feira (10) na avenida Maria Quitéria, próximo à nova sede da Delegacia da Mulher (DEAM), bairro Kalilândia, em Feira de Santana.

Segundo informações, Lucas Rodrigues dos Santos foi baleado durante um assalto ocorrido no pátio de um posto de combustível, na avenida Transnordestina, bairro Campo Limpo. Ele estava na companhia da mulher, Amanda, de 20 anos, e da filha de 3, além do motorista do veículo e seguiam de Serrinha para Salvador.De acordo com relato da mulher da vítima, eles fretaram um veículo até a casa de parentes dela, na capital, e quando pararam no posto para ela comprar água, dois homens em uma motoneta e anunciaram o assalto. A mulher contou que o marido reagiu e foi atingido com três tiros, enquanto os bandidos fugiam levando o aparelho celular.O motorista saiu com a vítima em busca de socorro e ao avistarem uma viatura da polícia em frente à DEAM pararam próximo,para solicitar ajuda, mas o homem não resistiu. Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionada e constatou o óbito.

A mulher da vítima contou que Lucas cumpriu pena no presídio de Serrinha, por tráfico de drogas, e deixou a unidade no dia 26 de março deste ano. A polícia já iniciou as investigações sobre o crime e inicialmente trabalha com a hipótese de latrocínio (roubo seguido de morte).

A delegada Thiara Ramos Duarte presidiu o levantamento cadavérico e autorizou a remoção do corpo para o Departamento de Polícia Técnica (DPT).

Blog Central de Polícia, com informações e fotos de Carlos Valadares.

Identificado homem assassinado na zona rural de Serra Preta


Foi identificado no Departamento de Polícia Técnica de Feira de Santana o corpo de um homem assassinado na madrugada de quarta-feira (8) na zona rural do município de Serra Preta.

A vítima foi Gutemberg Nascimento da Silva, de 26 anos, baleado no rosto, barriga, braço e mão.

Não há informações sobre a autoria e motivação do crime. O corpo já foi liberado para o sepultamento.

Blog Central de Polícia, com informações de Denivaldo Costa e imagem reprodução.

PRF doa armas e veículos para Guarda Municipal


O trabalho de prevenção à violência e segurança dos patrimônios públicos realizados pela Guarda Civil Municipal ganha um reforço importante em equipamentos. Foram doados pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), 50 pistolas e quatro veículos. As duas instituições tem um acordo de cooperação técnica, o que tem fortalecido ainda mais o trabalho dos agentes em Feira de Santana.

Os equipamentos doados estão em boas condições, segundo o secretário de Prevenção à Violência (Seprev) Moacir Lima. Porém, ainda passarão por revisão. As armas serão testadas pelos agentes municipais no stand de tiro da Guarda.

Um detalhe destacado pelo secretário é um modelo de veículo específico para o trabalho de fiscalização de animais soltos nas ruas e avenidas da cidade. Um “carro gaiola” que será utilizado neste tipo de serviço.

A comandante da Guarda Municipal, Cássia Dias, destaca a parceria com a PRF como uma ação que fortalece a corporação. “São armamentos utilizados por diversas forças de segurança, onde não tem histórico de defeitos. Foram armamentos que foram bem utilizados, com bom índice de resposta”.

Ela afirma que a polêmica com o modelo dos armamentos nada tem a ver com outros do tipo 24/7 que deram defeitos. “As pessoas estão confundindo com um lote especifico desses modelos que deram defeito. Mas, como já afirmamos, são equipamentos utilizados por outras instituições com sucesso”.

Segundo ela, os guardas municipais passarão por uma capacitação para utilização especifica dessas armas.

Assessoria Seprev

Jovem é assassinado no bairro Cidade Nova


Na noite passada (8), por volta das 21:30h foi registrado um assassinato contra um jovem de 23 anos na Rua Barra Avenida, bairro Cidade Nova, em Feira de Santana.

Roney Santos da Silva conduzia a motocicleta Honda CB 300 preta quando foi morto com tiros que atingiu a cabeça, conforme levantamento cadavérico presidido pela a delegada Thiara Ramos. Não há detalhes sobre a autoria tão pouco a motivação do crime.

O corpo foi encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) para ser submetido a necropsia.

Com este crime, some para 7 o número de crimes no município, elevando para 200 homicídios em todo o ano.

Blog Central de Polícia, com informações de Denivaldo Costa e imagem reprodução.

Advogado preso com R$ 110 mil pela PRF na BR-116, em Feira; defesa contesta acusação de lavagem de dinheiro


Um advogado de 41 anos foi preso com R$ 110 mil, em espécie durante fiscalização da Polícia Rodoviária Federal (PRF) na última sexta-feira (3), na BR-116 Norte, em Feira de Santana.

De acordo com os agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o motorista tentou fugir, mas foi preso e algemado.

Os PRFs realizaram uma vistoria minuciosa no veículo do advogado, sendo localizada a quantia de R$ 110.000,00 (cento e dez mil reais) em dinheiro de origem imprecisa. As cédulas distribuídas em notas de cem e cinquenta reais estavam escondidas em sacolas.

De acordo com a polícia, ao ser questionado, o advogado apresentou informações desencontradas. Aos policiais, o homem relatou que estava indo para o aniversário de um amigo em Feira de Santana.

Em contato com nossa reportagem, o advogado de defesa, Eduardo Bitencourt, alegou que não há indícios da acusação de lavagem de dinheiro. Ele também contestou os argumentos dos patrulheiros e afirmou que o cliente possui residência fixa, renda compatível com a função e que a economia guardada não foi depositada em razão das agências bancárias estarem lotadas.

Raphael Pitombo, presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/Feira) revelou que acompanha a situação.

O coordenador regional de Polícia Civil, delegado Roberto Leal enfatizou que a prisão foi lícita e que o advogado apresentou versões diferentes durante o depoimento e que o uso de algemas foi necessário por ele ter tentado fugir da PRF.

“Ele chegou a apresentar versões diferentes para a origem do dinheiro e em nenhum momento conseguiu comprovar e por esse motivo foi autuado em flagrante delito”, informou Leal.

O delegado diz não enxergar ilegalidade ou abuso de autoridade por parte do delegado plantonista, após analisar as informações apresentadas pelos policiais da PRF.

O coordenador da Polícia Civil enfatizou que o flagrante foi ratificado pela justiça, que decretou a prisão preventiva.

Sobre a não existência de uma cela especial no Complexo de Delegacias do Sobradinho, o delegado declarou que o advogado ficou isolado de outros presos.

“Não há cela especial nas delegacias, e sobre a questão de saúde, a unidade passa semanalmente por higienização,” explicou.

O delegado finalizou informando que o advogado foi transferido na manhã desta quarta-feira (8) para o Conjunto Penal.

Blog Central de Polícia, com informações de Denivaldo Costa e arquivo/foto reprodução..

 

 

Defensoria e Presídio de Feira de Santana se reúnem para encaminhar soluções aos problemas identificados em inspeção


Além de aspectos relativos à assistência jurídica dos custodiados, foram abordados pontos relativos à protocolos de saúde para prevenção da Covid-19

Depois de elaborar relatório de inspeção das condições do Conjunto Penal de Feira de Santana, a Defensoria Pública do Estado da Bahia – DPE|BA se reuniu na última sexta-feira, 26, com a direção da unidade prisional para tratar do documento e encaminhar medidas administrativas mais imediatas que reduzam as deficiências e carências identificadas, especialmente no contexto de enfrentamento da pandemia do novo coronavírus.

Entre os principais pontos do encontro, ficaram acertados a participação de servidores do Núcleo de Assistência Psicológica da DPE|BA no atendimento aos custodiados e eventualmente da famílias destes, assim como a assistência jurídica remota dos defensores a ser realizada por meio de tablet disponibilizado pela DPE|BA para chamadas de videoconferência.

Também foram abordados questões relativas à protocolos de saúde para prevenção da Covid-19 no espaço prisional. Na ocasião, a direção do presídio reafirmou que os custodiados transferidos da carceragem policial passam por exames e são mantidos em observação pelo período de duas semanas e não há nenhum caso de interno diagnosticado com a doença.

“Vamos realizar reuniões constantes para podermos tratar de todos os aspectos elencados no relatório. É positivo que a diretoria do Conjunto Penal está nos recepcionando e efetuando os esforços com sua equipe para construirmos um diálogo contínuo, principalmente neste momento de pandemia”, comentou a defensora pública e coordenadora da 1a Regional da Defensoria com sede em Feira de Santana, Liliane do Amaral Miranda, que esteve presente na reunião.

De acordo com a direção do complexo prisional, toda a equipe de saúde vem utilizando os necessários equipamentos de proteção individual na unidade e foi solicitada uma revisão do kit/higiene para incluir escovas de dentes e aumentar o número de sabonetes aos detentos em virtude da recomendação de que se faça lavagem das mãos com mais frequência.

A direção do presídio informou ainda que o banho de sol foi retomado em esquema de revezamento e que está retomando a assistência odontológica, principalmente para os casos de urgência, um dos pontos de maiores registros de queixas entre os presidiários. Como segue mantida a suspensão das visitas, a direção destacou que procura reduzir os impactos do distanciamento contínuo promovendo o uso de cartas para comunicação entre presos e familiares, meio que também é utilizado pelos defensores para intercâmbio com os assistidos.

Por fim, foi debatido também encaminhamentos para que se construa uma solução mais adequada para o isolamento entre custodiadas, quando necessários, já que no momento as instalações do Pavilhão 8 da unidade prisional não oferecem condições de higiene e privacidade e o isolamento é realizado em dependência improvisada sem as necessárias instalações de asseio.

Participaram da reunião o diretor do Conjunto Penal, Allan Araújo, e demais diretores da unidade, além de representantes dos servidores da saúde e do serviço social; já pela Defensoria, além da coordenadora da 1a Regional, defensora pública Liliane Miranda do Amaral, também estiveram presentes todos os defensores públicos que atuam na área criminal de Feira de Santana, Santo Estevão, Conceição do Coité e Ipirá.

O Conjunto Penal

O complexo prisional de Feira de Santana não conta com nenhum caso de infectado pelo novo coronavírus até o momento. De acordo com dados transmitidos pelo diretor do Conjunto Penal, Allan Araújo, o complexo tem capacidade para 1.356, porém hoje acomoda 1.710 presos, em sua grande maioria homens, com apenas 59 mulheres detidas.

Da vistoria ficou atestado ainda que diversas celas com capacidade para quatro presos têm acomodado de sete a dez presos e não há unidade específica para custódia da população LGBT, nem de pessoas privadas de liberdade que devam cumprir a pena no regime semiaberto.

De acordo com o relatório “em que pesem os esforços enveredados [pela administração do complexo], não existe estrutura física, tampouco de atendimento à saúde, que permitam o trato com eventual contágio em massa do citado vírus na unidade prisional.” Aponta ainda que a capacidade de isolamento da população carcerária em celas individuais no complexo é de apenas 1% e que o número de agentes para administrar os presos é muito reduzido, apenas 22 por turno em um total de 175 policiais penais.

Ascom

Após trocar tiros com a PM no Feira VII, homem morre em hospital


Um homem morreu na manhã desta quarta-feira (8), na emergência do Hospital Geral (HGCA), após trocar tiros com policiais militares da Rondesp Leste, no conjunto Feira VII, em Feira de Santana.

De acordo com informações, a guarnição estava em ronda pela localidade, quando se deparou com um homem em atitude suspeita, que ao avistar a viatura efetuou os disparos.

O corpo permanece sem identificação no Departamento de Polícia Técnica (DPT).

Blog Central de Polícia, com informações de Carlos Valadares e imagem reprodução.

Polícia registra assassinato em Serra Preta


Na madrugada deste quarta-feira (8), um homem foi morto a tiros  na estrada da Soraia, zona rural do município de Serra Preta.

A vítima trajava bermuda preta e camisa listrada de cor escura e apresentava lesões por disparos de arma de fogo no rosto, braço, mãos, adormem e costa.

O corpo foi encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Feira de Santana.

Blog Central de Polícia, com informações de Denivaldo Costa e imagem reprodução.

 

Técnico em refrigeração é assassinado no bairro Caseb


Um técnico em refrigeração foi assassinado a tiros por volta das 18h desta terça-feira (7) na 4ª Travessa Paraguai, bairro Caseb, em Feira de Santana.

Segundo informações, Washington Luiz de Oliveira Figueiredo, de 49 anos estava próximo de um posto de saúde quando foi surpreendido por um desconhecido e foi atingido na cabeça e tórax.

Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi até o local, mas constatou que o homem já estava morto.

O delegado Fabrício Linard presidiu o levantamento cadavérico e encaminhou o corpo para o Departamento de Polícia Técnica (DPT).

Blog Central de Polícia, com informações de Carlos Valadares e imagem reprodução.