Integrantes de grupo alvo de operação contra organizações criminosas seguiam execuções por celular em presídios, diz delegado


Homens que comandavam facções de dentro de presídios na Bahia, e que foram alvos de uma operação da Polícia Civil na terça-feira (27), acompanhavam execuções em tempo real de dentro das prisões. A informação é do delegado Felipe Neri, que participou das investigações.

Na operação Gunsmith, contra duas organizações criminosas no estado, foram expedidos 79 mandados de prisão, busca e apreensão em cinco cidades baianas. Desses, 76 foram cumpridos. Foram presas 28 pessoas e três apreendidas.

De acordo com Neri, os alvos da operação criaram um “tribunal do crime”, onde os chefes das facções determinavam penas para seus rivais ou qualquer um que entrasse em conflito com eles.

“Duas facções vinham disputando o território em Senhor do Bonfim com vários homicídios como resultados dessas disputas. O comando dessas duas facções estava sendo de dentro do presídio de Juazeiro e dentro do presídio de Feira de Santana. Durante o cumprimento dessas “penas”, os executores entravam em contato com eles [presos] no momento da ação, via celular, para que eles presenciassem, em tempo real, que estava realmente sendo cumprida a determinação”, revelou o delegado.

Segundo Felipe Neri, duas pessoas que tiveram desavenças com pessoas desses grupos, tiveram suas “penas” exibidas em tempo real para os homens apontados como mandantes.

“Uma senhora teve um desentendimento com uma das facções e a pena foi ceifar a vida do filho dessa pessoa, o que de fato aconteceu. Eles [mandantes do crime] acompanharam em tempo real, por celular, o cometimento desse crime, onde mataram o filho da senhora como punição”, disse.

“Teve um outro caso em que eles atiraram na perna de uma senhora, em Senhor do Bonfim, para que ela ficasse deficiente e esse fato também foi acompanhado por eles de dentro do presídio, em tempo real, além de torturas e crimes que eles acompanhavam de dentro do presídio. As investigações comprovaram que mesmo eles estando encarcerados continuavam comandando o crime organizado em Senhor do Bonfim e região”, detalhou.

Investigações e operações

Todos os presos são suspeitos de integrarem as duas organizações criminosas com atuação de tráfico de drogas, porte ilegal de arma, homicídios e corrupção de menores na Bahia. Os presos foram levados para o Conjunto Penal de Juazeiro, no norte do estado.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública da Bahia(SSP-BA), na operação, foram cumpridos mandados de prisão, busca e apreensão em residências e presídios nas cidades de Senhor do Bonfim, Juazeiro, Lauro de Freitas, Feira de Santana e Barreiras.

Durante a operação, foram aprendidas drogas e aparelhos celulares no Conjunto Penal de Juazeiro.

Em um imóvel, em Senhor do Bonfim, a cadela farejadora Jade, da Coordenação de Operações Especiais (COE), detectou cocaína na parte superior de um armário. Em outra casa, um traficante tentou se esconder atrás de um armário, mas foi encontrado.

A operação foi realizada pelo Departamento de Polícia Civil do Interior (Depin), através de investigação da 19ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Senhor do Bonfim), com apoio da Superintendência de Inteligência (SI) da (SSP-BA).

FONTE: G1, com imagem reprodução.

Acusado de matar subtenente diz que foi ‘roubar pra fazer dinheiro’ e utilizou pistola da vítima para ‘efetuar mais dois disparos’


Um homem de 19 anos, suspeito de participação no assalto seguido de morte do subtenente da Polícia Militar, Isaque Cerqueira, está custodiado no Complexo de Delegacias, no bairro Sobradinho, em Feira de Santana. Ele foi preso na última segunda-feira (26), durante operação conjunta das polícias Militar e Civil, no bairro George Américo. O subtenente foi morto durante um assalto na zona rural de São Conçalo dos Campos.

http://centraldepolicia.olabahia.com.br/2020/10/25/subtenente-da-pm-e-vitima-de-latrocinio-na-zona-rural-de-sao-goncalo-dos-campos/

Em entrevista concedida ao repórter Carlos Valadares (Jornal Transbrasil), L.B.S, confessou o crime e que atirou contra o policial, chegando a utilizar da própria arma da vítima para deflagrar mais tiros. Ele alegou que na adrenalina provocada durante o assalto não faz ideia de quantos tiros deflagrou contra o subtenente.

“Entramos no local e aí, ele levantou e foi até o carro pegar uma arma. Aí, ele retornou e não deu voz de polícia, eu mês assustei, o resto foi adrenalina. Ele correu e eu fui atirando, a arma disparando e ele caiu, por isso esse tanto de tiros, peguei a pistola que estava com ele e efetuei mais dois disparos”, confessou.

Questionado sobre a motivação do assalto o acusado alegou que pretendia ‘roubar para fazer dinheiro’ e não sabe do paradeiro dos comparsas.

Ele disse ainda que não estava utilizando drogas e alegou a pratica de assaltos por falta de oportunidade e discriminação por sua cor. “Sempre botei isso na minha mente, porque eu sou negro, é bem difícil achar trabalho”, disse o assaltante.

O criminoso contou que começou a cometer assaltos a partir dos 17 anos e alegou que matou para não morrer. “Não matei por maldade, foi pela minha defesa e ele também tentou se defender”, finalizou.

Por força da Lei de Abuso de Autoridade (13.869/2019), proposta pelo então ministro da Justiça e Segurança, Sérgio Moro, e promulgada pelo Congresso Nacional, entre outros pontos, proíbe a divulgação de nome e imagens de suspeitos por policiais.

Blog Central de Polícia, com informações de Carlos Valadares (Jornal Transbrasil) e imagem reprodução/ilustração.

Homem é assassinado a tiros no bairro Queimadinha


Um homem de 40 anos foi morto a tiros por volta das 22h desta terça-feira (27), na rua Paraíba, bairro Queimadinha, em Feira de Santana.

Segundo informações, Enedson Bezerra Alves Júnior foi atingido no peito, coxa e perna esquerda. Não há detalhes sobre a autoria e motivação do crime.

A vítima morava na avenida Maria Quitéria, mesmo bairro onde ocorreu o homicídio, o 33º registrado neste mês de outubro.

O delegado Gustavo Coutinho presidiu o levantamento cadavérico e encaminhou o corpo para o Departamento de Polícia Técnica (DPT).

Blog Central de Polícia, com informações de Carlos Valadares e imagem reprodução.

Polícia registra mais um latrocínio em São Gonçalo dos Campos


Por volta das 21h desta terça-feira (27) e durante um arrastão praticado por bandidos, um homem de 38 anos foi assassinado na Fazenda Taboa, zona rural de São Gonçalo dos Campos.

Segundo a polícia, José Carlos Santos da Cruz, foi morto com tiros no tórax após reagir a um assalto e ter sua moto roubada. No último domingo (25), outro latrocínio (roubo seguido de morte) vitimou o subtenente PM Isaque Cerqueira, também na zona rural de São Gonçalo.

O corpo foi encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Feira de Santana.

Blog Central de Polícia, com informações de Carlos Valadares e imagem ilustração.

 

 

Justiça suspende liminar que proibia apreensão de veículos em Feira de Santana


A Polícia Militar, por meio do Comando de Policiamento da Região Leste (CRPL), foi notificada nesta segunda-feira (26), a respeito do efeito suspensivo da liminar que versava sobre apreensão de veículos na cidade de Feira de Santana.

O Tribunal de Justiça do Estado suspendeu a liminar que impedia que veículos com o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) vencido fossem apreendidos no município.

De acordo com a desembargadora Gardênia Pereira Duarte, a decisão anterior “aparenta desconformidade com entendimento firmado pelo STJ, ao proibir a realização de blitz, pois é cabível aplicação de penalidade de apreensão do veículo no caso de ausência de pagamento do licenciamento anual”.

Fonte: Ascom CPRL, e imagem ilustração/reprodução.

Coração de Maria completa seis meses sem assassinato


Nesta terça-feira (27/10), a cidade de Coração de Maria completou seis meses sem assassinatos ou tentativa de homicídios.

A cidade conta com uma delegacia da Polícia Civil e o 3º Pelotão da 20ª Companhia Independente da Polícia Militar, (CIPM) que têm como tenente Rodrigo Monteiro, o qual chegou na cidade e, com um trabalho minucioso, reduziu para zero a criminalidade.

“Não há nada como viver com a sensação de segurança. E essa estatística é o resultado de muito trabalho. Não se combate à violência com mais violência. Se constrói a paz fazendo, protegendo as pessoas com preparo e humanidade”, afirmou.

Coração de Maria é pertencente à Área de Expansão Metropolitana de Feira de Santana, e sua população é de cerca de 30.400 habitantes.

Fonte: Berimbau Notícias, com imagem reprodução/ilustração.

Operação localiza 30 integrantes de facções rivais na Bahia


Trinta integrantes de duas facções que disputam a venda de drogas, na região Norte da Bahia, com ação maior, na cidade de Senhor do Bonfim, foram localizados pela Operação Gunsmith, na manhã desta terça-feira (27). Drogas, celulares, munições e anotações foram apreendidos com os criminosos.

A operação, realizada pelo Departamento de Polícia do Interior (Depin), através da 19ª Coorpin (Senhor do Bonfim), recebeu o nome Gunsmith (armeiro), pois as investigações perceberam a presença de armas artesanais, em homicídios ligados ao tráfico de drogas. Após um ano de investigação, com apoio da Superintendência de Inteligência (SI) da SSP, foram mapeados os autores das mortes e também os mandantes. “Com ações de inteligência, confirmamos que três detentos, utilizando celulares, determinavam as mortes, comércio de drogas, tortura de rivais, entre outros ilícitos”, destacou o titular da 19ª Coorpin, delegado Felipe Neri.

Ordens judiciais

Durante os cumprimentos de mandados de prisão e busca e apreensão em Senhor do Bonfim, Juazeiro, Barreiras, Lauro de Freitas e Feira de Santana, em residências e no sistema prisional, 150 policiais civis apreenderam drogas, celulares, munições e cadernos com anotações.Em um imóvel, no município de Bonfim, a cadela farejadora Jade, da Coordenação de Operações Especiais (COE), detectou cocaína na parte superior de um armário. Em outra casa, um traficante tentou se esconder atrás de um armário, mas foi percebido.

Além da 19ª Coorpin, da SI da SSP e da COE, atuaram na Gunsmith a Coordenação de Apoio Técnico à Investigação (Cati) do Depin, as 1ª, 25ª, 14ª, 15ª, 16ª e 17ª Coorpins, além da Seap, com equipes da Coordenação de Inteligência (GSI).

Fonte: Ascom: Alberto Maraux

Presos suspeitos da morte de subtenente da Polícia Militar


Uma ação conjunta envolvendo policiais militares das 66ª e 67ª Companhias independentes (CIPMs) e da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR) de Feira de Santana, prenderam quatro homens suspeitos do assalto seguido da morte do Subtenente Isaque Cerqueira, ocorrido na tarde de domingo (25), na zona rural do município de São Gonçalo dos Campos.

http://centraldepolicia.olabahia.com.br/2020/10/25/subtenente-da-pm-e-vitima-de-latrocinio-na-zona-rural-de-sao-goncalo-dos-campos/

A ação policial aconteceu no conjunto George Américo, em Feira de Santana, e de acordo com a polícia, dois dos conduzidos até a central de flagrantes, foram reconhecidos através de fotos por testemunhas que estavam no local do latrocínio.

Além das prisões, os policiais também apreenderam com os suspeitos, 1 revólver, 27 porções de cocaína, 6 buchas de maconha, uma balança de precisão e 3 aparelhos celulares.

Todos os envolvidos e o material apreendido foram apresentados na central de flagrantes do Complexo de Delegacias, no bairro Sobradinho. A polícia não revela nomes e imagens dos suspeitos.

Blog Central de Polícia, com informações e foto Ascom/66ª CIPM.

Procurado pela justiça, homem vai prestar queixa por Fake News e termina preso


Um homem identificado pelo prenome Oscar procurou a polícia para prestar uma queixa por Fake News e terminou ficando preso na tarde desta segunda-feira (26), em Feira de Santana.

Segundo a ocorrência, ele procurou a Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), alegando que sua foto estava circulando em grupos de WhatsApp, o apontando com um dos suspeitos do assassinato do Subtenente Isaque Cerqueira, morto durante um assalto na zona rural de São Gonçalo dos Campos, na tarde de domingo (25).

Os investigadores da DHPP fizeram pesquisas com o nome do queixoso e descobriram que havia um mandado de prisão contra ele, expedido pela Vara de Tóxicos desta comarca. Foi dada voz de prisão e Oscar ficou à disposição da justiça.

Blog Central de Polícia, com informações da DHPP e imagem ilustração.

 

Traficante é preso com drogas e arma de fogo em São Gonçalo dos Campos


Policiais da Rondesp Leste prenderam um traficante e apreenderam drogas e arma de fogo durante diligência no município de São Gonçalo dos Campos, na tarde desta segunda-feira (26).

Segundo a polícia, as equipes Rondesp 04 e 05 faziam patrulhamento pelo bairro Murilo Leite e perceberam um homem fugindo ao avistar as viaturas da Polícia Militar. Ele foi alcançado e flagrado com uma arma de fogo e drogas.

Na ação policial foram apreendidos um revólver calibre 38, marca Taurus; 25 tabletes de maconha; uma porção do mesmo entorpecente; duas balanças de precisão e uma mala utilizada para acondicionar a droga.

O homem e todo o material apreendido foram encaminhados para a delegacia.

Blog Central de Polícia, com informações e foto ascom/CPRL.