Homem é assassinado com cerca de 10 tiros no centro de Feira de Santana


Um homem de 38 anos foi assassinado com cerca de dez tiros por volta das 20h40 deste sábado (3), na rua Geminiano Costa, próximo ao Feira Tênis Clube, centro de Feira de Santana.

A vítima foi identificada como Murilo Silva Santos, que morava na rua Monte Castelo, bairro Sobradinho. Não há informações sobre a autoria e motivação do crime.

A delegada Bianca Torres presidiu o levantamento cadavérico e autorizou a remoção do corpo para o Departamento de Polícia Técnica (DPT).

Blog Central de Polícia, com informações de Gilson Ferreira e imagem ilustração (matéria atualizada).

Jovem é assassinado ao atender chamado na porta de casa em Feira de Santana


Um jovem de 19 anos foi assassinado por volta das 6h20 desta quarta-feira (24), em um beco transversal à Avenida de Canal, no bairro Rua Nova, em Feira de Santana.

Segundo informações, Felipe Santos Assis estava dormindo quando o chamaram à porta e ao atender foi baleado e caiu na pequena varanda da residência. Após ouvir os disparos, vizinhos quebraram o cadeado do portão, mas o jovem já estava morto.

O soldado PM Joel, da 64ª CIPM, informou que sua equipe tinha acabado de passar pela Avenida de Canal quando foi acionada para verificar a  informação de tiros na localidade. “Nós estávamos em ronda, por volta das 6h20, tínhamos acabado de passar na Avenida de Canal, logo em seguida a nossa central (Cicom 190) informou que tinha acontecido disparo de arma de fogo no Beco Emília Guimarães e logo foi constatado óbito do cidadão Felipe dos Santos”, contou o policial.

Ainda de acordo com ele, vizinhos ouviram alguém chamando a vítima e em seguida os disparos. Não há informações sobre o autor do crime.

Na residência, a polícia encontrou um vaso com um pé de maconha e uma certa quantidade do entorpecente. A polícia suspeita que a morte tenha relação com o tráfico de drogas.

Blog Central de Polícia, com informações e foto de Carlos Valadares.

 

Mulher conta como filho e marido foram mortos dentro de casa


Um duplo homicídio foi registrado na madrugada de segunda-feira (22) no interior de uma residência na Estrada dos Coqueiros, povoado de Santa Quitéria, bairro Papagaio, em Feira de Santana, vitimando Wellington Lima de Jesus, 25 anos, e o enteado Luiz Breno da Silva Conceição, de 16 anos.

As cenas da dupla execução foram presenciadas pela dona de casa Naildes Santana, mulher de Wellington e mãe de Luiz Breno. Segundo a mulher, dois homens cometeram o crime e estavam com os rostos descobertos, mas ela foi obrigada a ficar com a cabeça abaixada e ainda levou um tapa.

Naildes contou que o filho trabalhava nas redondezas e não frequentava festas. Disse também que na noite do crime, pediu sua benção e foi dormir, quando ela ouviu barulho de veículo. “Quando deu uma três horas eu vi esse carro passando, indo e voltando, um carro preto. Aí, deram um pontapé na porta e gritaram: ‘abre a porta’. Tinha uma trava na porta e o outro, no fundo da casa, já batendo o pé também. Quando ele (criminoso) bateu na porta da frente, o ferro correu e a porta ficou aberta e ele me viu de pé. Ele (filho) saiu do quarto pra ver o que foi e mandaram botar as mãos para cima, mas depois ele esqueceu e  botou as mãos pra baixo e ficou conversando, aí ele atirou”, contou a mãe.

Ela disse que após receber um primeiro tiro, o filho correu para o quarto e o criminoso deflagrou mais tiros. Logo após a morte do filho, o segundo criminoso se dirigiu para o quarto onde estava o marido dela e o executou. “ O outro foi pro meu quarto e falava assim: ‘cadê, cadê’, o que eu não sei. Aí, meu marido estava levantando pra ver o que foi e ele chegou atirando também”, descreveu.

A mulher contou que se urinou com a cena dentro de casa, mas que pretende continuar no mesmo endereço. Ela acrescentou que não entende o motivo dos assassinatos.

“Eu só queria saber o foi que aconteceu. Meu menino só ficava em casa, se fez alguma coisa errada, eu não sei. A gente (mãe) é a última a saber, e eu não sei”, finalizou.

O terceiro duplo homicídio registrado neste ano em Feira de Santana já está sendo investigado pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa.

Blog Central de Polícia, com informações de Denivaldo Costa e imagem reprodução.