NOTICIÁRIO POLICIAL

Decarga recupera carga de 15 mil litros de combustível

Parte de uma carreta bitrem contendo 60 mil litros de combustível, que havia sido furtada, acabou recuperada por integrantes da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Cargas em Rodovias (Decarga), de Feira de Santana, na terça-feira (21). O caminhão foi encontrado em um estacionamento clandestino no bairro de São Marcos, em Salvador.
De acordo com o delegado Gustavo Coutinho, titular da especializada, o caso foi descoberto no momento que o condutor do veículo Marcio Carlos da Silva, 45 anos, tentou se passar como vítima de assalto. “A transportadora ligou informando que a carreta havia perdido o sinal, quando o motorista apareceu no dia seguinte e alegou ter sido assaltado. Solicitamos que ele comparecesse na delegacia e verificamos que as versões dele não eram verídicas”, conta.

Após apuração, os policiais apresentaram provas que fez o condutor confessar o crime e indicou locais e nomes de outros integrantes da quadrilha. Um dos comparsas mora no município de Feira de Santana, e seria responsável por desvios de 45 mil litros do combustível. Os materiais, segundo informações preliminares, teriam sido descarregados em postos no centro da cidade e outro na BR-324.
O cavalinho, outra parte do caminhão, que havia sido separado, foi encontrado na cidade de Alagoinhas. Todo o conjunto foi conduzido para a sede da Decarga e entregue à empresa proprietária. Marcio vai responder por associação de apropriação indébita qualificada e por formação de quadrilha.
Fonte: Ascom / Suzane Santos

Comentários

COMPARTILHE

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on telegram
Telegram
Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+

Veja também

Vítima de tiros morre no HGCA

Na noite passada (29), um homem morreu no Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA) em Feira de Santana, vítima de disparo de arma de fogo. De

Idoso vítima de atropelo morre no HGCA

Morreu no Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA) nesta quarta-feira (29) José Nicolau de Souza, 64 anos, que residia na Fazenda Baraúnas, município de Pedrão. Segundo