Quem matou a menina Gabrielly?


Passados três anos do desaparecimento da menina Gabrielly Gomes Santana, de 7 anos, familiares, amigos, a imprensa e a sociedade feirense continuam perguntando à polícia: quem matou Gabrielly?

A criança desapareceu no dia 21 de janeiro de 2017, enquanto brincava no Residencial Solar da Princesa IV, bairro Gabriela, em Feira de Santana.

Embora a polícia tenha afirmado que exames feitos em um crânio encontrado às margens da avenida Eduardo Fróes da Mota, próximo ao conjunto Feira IX, no dia 14 de fevereiro do mesmo ano, apontem que a ossada é da menina, a mãe não acredita. O pai da criança chegou a solicitar a exumação, mas foi negado pela justiça.

”Cadê o suspeito, já que vocês, no papel, provam que ela está morta, cadê o resto do corpo, que só foi achado o crânio, completamente diferente, porque, um crânio grande, com todos os dentes. Minha filha estava banguela, estava mudando os dentes. Como é que pode ser? Os dentes não nascem dentro de um mês. Queremos resposta, não vamos nos calar”, disse Jeiza Gomes em entrevista concedida ao repórter Sotero Filho.

O inquérito que investiga o caso ainda não foi concluído e nenhum fato novo foi revelado pelas autoridades.

Blog Central de Polícia, com informações de arquivo e foto reprodução.

 

Comentários

0 Faça sem comentário...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>