NOTICIÁRIO POLICIAL

Assembleia de agentes penitenciários discute biosegurança para recebimento de presos com Covid-19, no Conjunto Penal de Feira de Santana

Uma assembleia foi realizada na manhã desta quinta-feira (11) pelo Sindicato dos Agentes Penitanciários do Estado da Bahia, para discutir medidas de proteção para os servidores envolvidos no recebimento e contato com presos contaminados com a Covid-19.

Segundo o presidente do sindicato, Reivon Pimentel, a assembleia serviu para discussão dos protocolos de segurança em saúde e um documento com reivindicações será encaminhado para a Secretaria de Administração Penitenciária (SEAP).

“Nessa assembleia, nós discutimos sobre as condições de biossegurança nescessárias para o recebimento de presos, confirmadamente positivos para covid e demais doenças infectocontagiosas e hoje houve essa discussão e ficou decidido que nós vamos exigir do Estado, que sejam fornecidos EPIs para lida com esse público e treinamento específico para o trabalho com portadores da covid”, informou.

De acordo com Reivon, também foi discutida a implementação de um local apropriado para o isolamento de presos portadores do coronavírus. Ele denunciou que um casal transferido recentemente para o presídio está dividindo o mesmo pavilhão com cerca de duzentos detentos.

O sindicalista informou que 176 policiais penais trabalham no conjunto penal de Feira e somados ao grupo administrativo e profissionais da saúde o contingente chega a aproximadamente 250 servidores.

Blog Central de Polícia, com informações e foto de Jota Bezerra.

Comentários

COMPARTILHE

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on telegram
Telegram
Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+

Veja também

Coletivo é assaltado no Feira VII

Um homem armado assaltou um ônibus da empresa São João na manhã desta terça-feira (26) no conjunto Feira VII, em Feira de Santana. Segundo informações,