NOTICIÁRIO POLICIAL

Receita faz apreensões em estabelecimentos na Bahia durante operação de combate a importação irregular de celulares; ação foi realizada também em Feira

Diversos celulares importados de forma irregular foram apreendidos em estabelecimentos na Bahia, durante uma operação nacional da Receita Federal para combater a sonegação fiscal, nesta terça-feira (20). A Receita não divulgou quantos aparelhos foram apreendidos.

A ação foi realizada em Salvador, Candeias, Simões Filho e Feira de Santana. Além da Bahia, a operação, batizada de “Colheira”, foi realizada simultaneamente em 12 estados do país. Cerca de 110 servidores aturaram nas fiscalizações.

O principal alvo foi uma rede de lojas que tem 83 unidades espalhadas por todo Brasil e se apresenta como importadora oficial da Xiaomi, apesar da marca chinesa ter representante exclusivo no país. Do total, apenas cinco lojas foram fiscalizadas na Bahia. Em todo o país, esse número subiu para 27.

Ainda de acordo com a Receita Federal, esses estabelecimentos apresentaram movimentação financeira incompatível com o volume das vendas, e compravam mercadorias de empresas com características de “noteiras”, que são aquelas que não apresentam compras nem importações e apenas servem para emitir notas de vendas.

O órgão explicou ainda que os alvos foram selecionados por meio de um sistema de inteligência, a partir do cruzamento de informações, como conhecimentos de transporte e cadastro de empresas suspeitas. Além dos produtos originais que entram no país de modo irregular, as equipes de fiscalização também vão averiguar a existência de eventuais produtos falsificados.

Ainda segundo a Receita Federal, a empresa terá um prazo para se explicar e comprovar a importação regular. Caso isso não seja feito, as mercadorias serão doadas ou leiloadas conforme determina a legislação.

A ação desta terça é um desdobramento da “Operação FranFake”, realizada em março deste ano. Em Salvador, vários shoppings foram alvo da operação.

Por G1 BA, com imagem divulgação.

 

Comentários

COMPARTILHE

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on telegram
Telegram
Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+

Veja também