NOTICIÁRIO POLICIAL

Prefeito rejeita comparação da região da estação rodoviária com a Cracolândia e critica doações

Foto reprodução Secom

O gestor enfatizou que a Polícia Militar está fazendo sua parte

Em uma recente entrevista ao repórter Sotero Filho da rádio Subaé, o prefeito Colbert Martins discorda da população em comparar a região próxima à estação rodoviária de Feira de Santana e a Cracolândia de São Paulo.

Martins argumentou que a situação em Feira de Santana é diferente e não deve ser rotulada como uma “cracolândia”. Ele descreveu a situação como um grupo de pessoas que se reúnem na área, alimentadas pelo tráfico de drogas que chega à cidade através do transporte coletivo de Salvador.

Siga instagram Blog Central de Polícia 

O prefeito destacou a complexidade do problema, mencionando que muitas dessas pessoas se recusam a ser identificadas, tornando difícil para a polícia e os serviços sociais intervirem efetivamente. Ele enfatizou que a polícia está fazendo sua parte, mas a sociedade como um todo precisa se envolver mais ativamente na questão.

Ouça a entrevista

O chefe do poder executivo criticou aqueles que dão dinheiro a essas pessoas, argumentando que isso apenas contribui para o problema, permitindo-lhes comprar drogas ou até mesmo armas. Ele pediu uma abordagem mais direta para lidar com a questão das drogas, enfatizando que é uma responsabilidade compartilhada por toda a sociedade.

Além disso, o prefeito falou sobre a importância de ter centros de recuperação adequados para ajudar essas pessoas. Ele mencionou que a cidade tem vários centros de recuperação, mas criticou o governo do estado por tentar fechar um centro psiquiátrico local, deixando um vazio no atendimento a essas pessoas.

Colbert concluiu reiterando que a questão não é apenas responsabilidade da polícia ou da prefeitura, mas de toda a sociedade. Ele afirmou que todos estão fazendo sua parte, mas a sociedade precisa fazer mais para enfrentar o problema.”

Uma van plotada da Polícia Militar continua posicionada na rua Comandante Almiro. O Major PM Fernando, comandante da 64ª CIPM, já ressaltou inúmeras vezes a veículos de comunicação que a base móvel faz parte da frota da unidade, e que atuará em diversos pontos sensíveis da área coberta pela Companhia. Não há previsão de por quanto tempo ela será empregada na rua Comandante Almiro, proximo a Rodoviária.

Blog Central de Polícia, com informações do Subaé Noticias e fotos arquivo CP

Comentários

COMPARTILHE

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on telegram
Telegram
Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+

Veja também