Jovem é assassinado na cidade de Tanquinho


Um jovem de 21 anos foi morto a tiros por volta das 21h40 deste domingo (15) na cidade de Tanquinho.

Segundo a polícia, Rair da Silva Malaquias foi atingido por vários disparos e ainda foi socorrido para o Hospital Municipal, mas não resistiu. Não há detalhes sobre a autoria e motivação do crime.

A vítima morava na Fazenda Recreio, distrito de Jaguara, em Feira de Santana.

A delegada Thiara Ramos Duarte presidiu o levantamento cadavérico e autorizou a remoção do corpo para o Departamento de Polícia Técnica (DPT).

Blog Central de Polícia, com informações de Carlos Valadares e imagem reprodução.

Reciclador é assassinado a tiros no bairro Campo Limpo


Um reciclador de 23 anos foi morto a tiros por volta das 06h40 desta quinta-feira (22), na rua Tupanatinga, bairro Campo Limpo, em Feira de Santana.

Segundo a polícia, Felipe de Souza foi surpreendido por desconhecidos quando estava na rua onde morava. Não há detalhes sobre a autoria e motivação do crime.

O delegado Luís Smyslov Filgueiras presidiu o levantamento cadavérico e autorizou a remoção do corpo para o Departamento de Polícia Técnica (DPT).

Blog Central de Polícia, com informações de Denivaldo Costa e imagens reprodução.

 

Garoto de 11 anos é assassinado na zona rural de Feira; pai diz que filho foi morto por causa de celular e 300 reais


Um menino de 11 anos foi assassinado com golpe de arma branca na cabeça, no início da manhã desta quarta-feira (21), na localidade da Fazenda Caldeirão, Água Branca, distrito de Maria Quitéria, em Feira de Santana.

Segundo informações, Kaique Soares Queiroz saiu de casa com um celular e dinheiro, quando foi surpreendido pelo criminoso e golpeado em um matagal, provavelmente com o uso de uma foice.

Após o crime, começaram a circular fotos de um homem apontado como suspeito, mas a polícia ainda não confirmou se ele teve participação no crime.

O pai da criança, William Queiroz Santos, contou para nossa reportagem que o filho foi assassinado por causa de um celular e por estar carregando a quantia de R$ 300 em dinheiro. “Matou para roubar um celular e um dinheiro que o menino tinha”, contou o pai.

Ainda de acordo com William, o acusado do crime saiu há pouco tempo do presídio.

O delegado Felipe Ghiraldelli presidiu o levantamento cadavérico e encaminhou o corpo para o Departamento de Polícia Técnica (DPT).

Blog Central de Polícia, com informações de Denivaldo Costa e imagens reprodução/redes sociais.